Análise dos Procedimentos de Ensino Utilizados no Curso de Odontologia da Universidade Federal do Espírito Santo

Nome: Natasha de Almeida Dutra Toledo
Tipo: Dissertação de mestrado profissional
Data de publicação: 22/11/2017
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Raquel Baroni de Carvalho Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Karina Tonini dos Santos Pacheco Examinador Interno
Patricia Silveira da Silva Trazzi Examinador Externo
Raquel Baroni de Carvalho Orientador

Resumo: O processo de ensino-aprendizagem vem passando por muitas mudanças ao longo dos anos, um dos motivos é buscar adaptar-se à geração de estudantes das escolas e universidades. Essa adaptação vem ocorrendo também no currículo dos cursos de nível superior, dentre eles, a Odontologia. Uma forma de registrar tais mudanças é a análise do projeto pedagógico dos cursos (PPC) de Odontologia. No PPC existem informações vitais e importantes sobre o objetivo do curso, disciplinas cursadas (obrigatórias e optativas), bem como os procedimentos de ensino que os docentes estão utilizando para dar aulas. O objetivo foi verificar os procedimentos de ensino registrados no PPC do curso de Odontologia da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES) e comparar com os procedimentos de ensino citados pelos docentes que atuam no ciclo profissionalizante, por meio de entrevista (questionário). Foi realizado um estudo documental, exploratório, descritivo e de natureza quantitativa. Na pesquisa documental do PPC foram incluídas 50% das disciplinas do ciclo profissionalizante (5º ao 10º período), totalizando 15 disciplinas. A seguir, foram entrevistados os docentes do ciclo profissionalizante do curso de Odontologia da UFES (5º ao 10º período) de três departamentos: Clínica Odontológica, Prótese Dentária e Medicina Social, que foram selecionados aleatoriamente. O procedimento de ensino mais frequentemente citado pelos docentes foi a aula expositiva (93%), seguido do seminário (40%). No PPC o procedimento de ensino registrado mais frequentemente foi o seminário (91%), seguido da aula expositiva (83%). Outros seis procedimentos de ensino foram citados pelos docentes e registrados no PPC, dentre eles a pesquisa bibliográfica, aprendizado baseado em problema (ABP), estudo dirigido, grupo de estudo, discussão e problematização. Foi observado nessa pesquisa que existe pouca diversidade nos procedimentos de ensino citados pelos docentes entrevistados e descritos no PPC de Odontologia da UFES. Pode-se concluir que existe alguma dificuldade ou deficiência pedagógica por parte dos docentes entrevistados para adotar novos procedimentos de ensino, incluindo os procedimentos de ensino interativos.

Acesso ao documento

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Marechal Campos, 1468 - Bonfim, Vitória - ES | CEP 29047-105